Sabedoria Ramatis

Sabedoria Ramatis

segunda-feira, 26 de junho de 2017

OS AGENTES MÁGICOS



PERGUNTA - Em que consiste a "serventia"?

RAMATÍS - A serventia, que denota qualidade de servir a algo, alguém ou a uma causa, não deve ser interpretada como servidão ou subserviência.
Como as formas de apresentação de Caboclos, Pretos Velhos e Crianças na Umbanda são "ocupadas" por espíritos que vibram em certas freqüências sutis, ficam impedidos de atuar em determinados sítios vibracionais ocupados pelos antros de magia negra, sob pena de se imporem pesados rebaixamentos vibratórios que seriam motivo de sofrimento desnecessário, pela regularidade desse tipo de atuação. Para tanto, se utilizam da "serventia" dos agentes mágicos - Exus - como se fossem pares, mas cada um na sua faixa de caridade, se "complementando" no ideal de amparo e socorro àqueles que fazem jus diante dos tribunais cósmicos. Isso não quer dizer que não possam existir espíritos iluminados e libertos completamente do ciclo carnal atuando por amor a vós como agentes mágicos - Exus.


PERGUNTA - Podeis nos dar um exemplo de espírito iluminado que é um agente mágico - Exu entidade - que atua por amor nessa posição? Isto não contraria o programa evolutivo desta consciência espiritual no grande plano ascensional arquitetado pelo Pai Maior?

RAMATÍS  Se o espírito que animou o corpo que personificou Jesus aceitou se impor imenso rebaixamento vibracional por amor ao vosso planeta e a coletividade espiritual que estagia nesta localidade cósmica, por que outros irmãos assim não podem igualmente proceder, diante do princípio de que o Pai a todos trata com equanimidade?
Quando um espírito conquista o passaporte cósmico que o habilita a agir e decidir por si mesmo quanto a sua movimentação no infinito universal regido pela onisciência do Criador, pode, dentro do exercício do seu livre-arbítrio, optar por como e onde continuará evoluindo, desde que seja de seu direito e merecimento, mesmo que para isso se imponha atuar em locais de baixa densidade vibracional em relação ao seu atual estágio evolutivo. Quantos luminares e santos de vossa História não estiveram junto dos exércitos que comandavam as batalhas sanguinolentas em nome da mansuetude do Cordeiro, por livre escolha?
A ascensão espiritual não é qual carrasco que impõe os páramos celestiais retratados nas abóbadas de vossas igrejas ou os planos idílicos de arquitetos ou engenheiros siderais. Os que estão "embaixo" não podem "subir" sem merecimento mas os que estão "em cima" podem "descer" por amor, o que é direito cósmico inalienável conquistado; e todos, indistintamente, são "olhados" com os mesmos critérios pelo Pai, que é todo amor, imanente na diversidade de planos dimensionais em que estua a vida no cosmo. Não daremos um exemplo de entidade espiritual que atue nos moldes descritos, pois a estaríamos distinguindo diante da necessidade de mencionarmos um nome. Podemos afirmar que na linha vibratória do orixá Oxalá é mais "comum" encontrardes espíritos que já poderiam estagiar em paragens cósmicas inimagináveis a vós, atuando como Exus na Umbanda.

ELUCIDAÇÕES DE RAMATÍS SOBRE O SEXO ENTRE ESPÍRITOS


PERGUNTA - Podeis falar-nos algo sobre o sexo no plano astral? Os espíritos mantêm relação sexual como entendemos?

RAMATÍS  Sexo é fundamentalmente troca de energia. Na caminhada evolutiva do espírito imortal, ocupais transitoriamente um corpo masculino ou feminino, que durante o conluio amoroso se completam energeticamente, momentaneamente em uníssono como se fôsseis um só espírito, assexuado. Ocorre que o sexo para vós está associado meramente ao prazer sensório fato que associado ao caráter pecaminoso das religiões punitivas, que ressoa em vosso inconsciente milenar, faz com que o ato sexual seja visto como algo impuro. O amor é a mola que mantém as energias sexuais revitalizantes. Segundo vossos psicanalistas a sexualidade tem fases evolutivas, sendo que infelizmente classificam a fase adulta como fática, como se o órgão físico fosse o centro de tudo, cegos que estão ao enorme manancial de energia suprafísica envolvido na troca saudável e embasada no amor.
Com certeza há sexo entre os espíritos, inclusive pode ocorrer relação sexual anômala, entre um encarnado desdobrado e uma entidade desencarnada.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

"CONDICIONAMENTOS E VICIAÇÕES MENTAIS-EMOCIONAIS" - ll



PERGUNTA: - Então, devemos fugir das condições adversas, como são as duras provações com a finalidade de subjugar nosso eu inferior na condição de médiuns encarnados?
RAMATÍS: -
De maneira alguma. Todavia, alguns espíritos se impõem demasiada pressa. Muitos dos que se dizem espiritualizados, como falsos santos em conventos, não suportam a intensificação das provações a que se submeteram por sua livre
vontade para se reformar. Não é de uma hora para outra que vos "santificareis".
É óbvio que deveis levar com o máximo de seriedade o nobre desafio de subjugar vosso eu inferior. Isso passa ao longe do precipitado equívoco do pedreiro imprudente que, ao colocar mais areia do que o comum no carrinho de mão para não fazer serão depois do expediente, acaba fazendo uma liga insuficiente na argamassa usada para sustentar os tijolos do edifício. 
Os senhores do carma aguardam pacientemente o fortalecimento de cada individualidade, seja em que planeta for do Universo. Não interpreteis isso como excesso de compaixão e não vos deixeis conduzir a dispensáveis acomodações do espírito. No Cosmo, no processo evolutivo que conduzirá todos aos páramos celestiais, a cada um são oferecidos os pedregulhos que podem ser carregados.Os planejadores cármicos contemplam não somente o que cada um merece, mas também o necessário ao seu pleno desenvolvimento espiritual no estágio em que se encontra. Assim, ao arquiteto é dado oportunidade à elaboração da planta de uma construção de conjunto habitacional na periferia da cidade; ao contador cabe conseguir os recursos financeiros, repassando-os às classes populares; ao mestre de obras, zelar pelos materiais em sua qualidade, não extrapolando o orçamento da construção elaborado pelo engenheiro; e
finalmente ao pedreiro, ao pintor, ao marceneiro, ao encanador, utilizar os insumos da forma mais eficiente possível. Assim, cada um, de acordo com o estágio evolutivo, na vida diária irá ter infinitas oportunidades de adquirir controle sobre os desejos, sentimentos e emoções que escravizam o corpo mental inferior ao corpo astral e este ao corpo físico.

"CONDICIONAMENTOS E VICIAÇÕES MENTAIS-EMOCIONAIS"



PERGUNTA: - Com todos os apelos sensórios com que somos bombardeados
diariamente (Internet, televisão, jornais, revistas, anúncios, modismos), sentimo-nos como uma formiga tendo de remover o Himalaia. Não há um caminho mais ameno?

RAMATÍS: -
Lembrai-vos de que é muito fácil ser virtuoso quando não há tentações à vista. Vossas predisposições anteriores à atual personalidade vos instalam o saudosismo dos antigos eremitérios, onde o trabalho interno era perseguido no isolamento. Isso vos leva a cair em comportamentos demasiado eletivos, quando não completamente isolados dos profanos comuns, "pobres mortais que nada sabem", muitos deixando a caridade em grupo para tentar alcançar sozinhos o pico da montanha.
Na primeira queda, não há ninguém para segurar vossas mãos; ao contrário: muitos inimigos a empurrar ladeira abaixo ou a colocar pedras em vossos bolsos.
Aqueles que são verdadeiramente convictos de si e fiéis seguidores de seus planejamentos reencarnatórios, nas circunstâncias adversas da' crosta terrícola, conseguirão inevitavelmente uma importante iniciação, adquirindo o direito cósmico de alçar vôos no plano astral, e conseguirão dominar sua natureza inferior em meio ao burburinho da coletividade.
Muitos espíritos, antes de voltar à carne, pedem duras provações para livrar-se mais rapidamente de pesados débitos do passado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...